Não Recomendo: Luah Store

By 6 de janeiro de 2017Compras

Até pouco tempo atrás eu não comprava e não pagava nada pela internet, até que larguei o medo de lado e fiz a minha primeira compra, agora eu faço TUDO pela internet, somente por ela. E vivo comprando tudo por ai. Até que tive minha primeira dor de cabeça.

Vale lembrar que EU passei por essa experiência ruim, mas certamente inúmeras outras pessoas não passaram, ou seja, o que eu quero compartilhar aqui é o que EU passei e meus motivos para não continuar cliente da empresa Luah Store.

Descobri essa loja, através do perfil pessoal de uma ex-BBB que eu já acompanho a muitos anos, inclusive já tive a oportunidade de conhece-la em alguns trabalhos. Na verdade, eu só cheguei na Luah Store mesmo, por engano.
Vi Adriana indicando um produto que uma amiga queria, a marquei, ela comprou 2x e foi tudo lindo e maravilhoso. Até que decidi comprar também e começou a minha dor de cabeça. Ao invés de ir na postagem que essa amiga comprou, fui na primeira postagem de Adriana falando do mesmo produto, ~essa postagem ao lado~. Se clicar, dá pra ver a foto inteira e com detalhes e nem reparei que o nome da empresa era diferente do que a minha amiga havia comentado.Entrei no site da Luah Store, fiz o meu cadastro, peguei o boleto de R$102,71, o que convenhamos não dá pra deixar pra lá.

A partir daí: só dor de cabeça. Fiz o pedido e o pagamento no dia 03/12, liguei para o telefone que eles informam no site e no Instagram para saber sobre o envio. Fui atendida de primeira e a atendente me informou que chegaria em 10 dias úteis que era pra eu acompanhar em “minha conta” todo o processo e o código de rastreamento.

No dia 10/12, quando fui acompanhar, vi que nada havia sido atualizado, nem o pagamento. Retornei a ligação e a atendente informou que todas as atualizações do site seriam feitas neste mesmo dia. No dia 11/12, nada. Retornei a ligação e para minha surpresa sempre a finalizavam. Este mesmo número do contato também serve para o WhatsAPP, que por dias minhas mensagens foram visualizadas e ignoradas. Quando eu ligava de outro número eu era atendida, me enrolavam respondendo que já havia sido enviado e o site que estava com problema de atualização.

Minha raiva e frustração começaram quando voltei a postagem e estavam cheio de meninas reclamando que o produto não havia chego e que ninguém da empresa dava o suporte. A partir daí, todos os posts da Luah Store na página dela, foram publicados para não receberem comentários. Mas ok, as vezes o combinado de divulgação era esse mesmo. Abaixo alguns comentários (os que não foram apagados ainda), só clicar que dá pra ver maior.

E o pior foi quando comecei a conversar no Instagram da marca com outras meninas que estavam reclamando da falta de comunicação, da não entrega dos produtos e eles simplesmente me bloquearam da página. Mas quem tem amigo na vida, tem tudo, consegui entrar agora em outro perfil e tirar uns prints (antes que eles apagassem). Abaixo um poucos dos comentários que rolam por lá.

A conta do Reclame Aqui da empresa também está lotado de clientes reclamando que o produto não foi enviado e que a empresa não dava nenhum suporte. Foi quando eu abri uma disputa no PagSeguro e só assim tive resposta da empresa, que depois de muito tempo realizou o envio do produto.

Minha dica para vocês é: pesquisem antes de comprar qualquer coisa. Parece meio clichê né? Mas a gente acaba as vezes acreditando em tudo o que vemos sendo divulgado por diversos influencers digitais. Não gente, eles ganham pra isso, por isso fazem os publieditoriais.

Está cheio de e commerce com peças e produtos maravilhosos por ai, basta a gente procurar, ler comentários, reparar se há resposta e interação da marca, conversar com quem já comprou e SEMPRE dá uma olhada no Reclame Aqui. Outra hora eu trago alguns dos meus queridinhos por aqui.

Agora você me pergunta: e ai Taty, a cinta e o gel deram resultado? Usei o gel dia desses que estava gripada, já que ele tem um cheiro forte de cânfora, ajudou dar uma aliviada, rs e a cinta, vou tentar usá-la no inverno, nesse verãozão do Rio, é impossível.

Leave a Reply